contato@ivonelima.com.br

Paulo Afonso-BA, 25 de maio de 2022

Cânions – Empresários alagoanos se articulam para impulsionar turismo e os de Paulo Afonso chupam o dedo

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
Sem título

Enquanto patinamos para saber quantas e quais pessoas vão fazer parte de um conselho que não servirá para rigorosamente nada, empresários e políticos que desenvolvem atividades turísticas na parte alagoana dos Cânions do São Francisco serão recebidos pelo presidente da Embratur, Gilson Machado Neto, amanhã, 09, em Brasília.

Segundo reportagem do jornalista Mozart Luna, “O objetivo da audiência será convidar o presidente para conhecer aquele destino turístico e a centenária cidade penedense.”

Empresário Manoel Foguete, divulgador dos Cânions no Brasil e no Mundo, ao quando da visita do empresário Pedro Ramos, um dos maiores operadores de voos charters de Portugal a região. Foto e legenda: Meio Ambiente e Turismo.

 

Ainda segundo o jornalista, “Atualmente a atividade turística nos Cânions gera cerca de 6.500 empregos diretos e indiretos, mas que poderia, segundo os empresários crescer muito mais, através de projetos que também serão apresentados ao presidente da Embratur. ”

Causa muita inveja/indignação [e não é a branca] esses números quando comparados com o município que é o berço da Chesf, mas cujos políticos não conseguem enxergar além do próprio nariz.

Não falta apenas boa vontade política. O prefeito Luiz de Deus (PSD), nesse quesito consegue ser mais tacanho que seus antecessores, e há muita reclamação por parte dos empresários do setor, sempre recebidos a contragosto.

O fato é que enquanto cochilamos sem representação nessas questões estruturais e políticas, nossos vizinhos vão se articulando e tomando a dianteira para impulsionar o parque turístico da Chesf, tendo Paulo Afonso apenas como parte da estrutura deles, para receber voos, cujos passageiros seguirão outro destino: Piranhas, Canindé do São Francisco, Xingó etc.

No que diz respeito ao governo do estado, Paulo Afonso não está incluída como destino turístico nas rotas dos voos. Nós estamos apenas como um porto, para embarque e desembarque. Mas notem que a preocupação primeira é burocrática:  nós ficamos escolhendo membros para mais um conselho, enquanto a população que continuará desempregada chupa o dedo. Não enche a barriga, mas consola.

 

 

Foto de  capa: “Prefeito de Penedo Marcius Beltrão ao lado da missão portugesa que visitou Alagoas , também faz parte da comitiva que visitará o presidente da Embratur. Penedo e os Cânions destinos turísticos ligados pelo São Francisco.” site: Meio Ambiente e Turismo. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.