contato@ivonelima.com.br

Paulo Afonso-BA, 21 de maio de 2022

Prefeito admite queda brusca na receita, mas mantém salários nababescos

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
page

PAULO AFONSO – Causa espanto a atitude do prefeito Luiz de Deus (PSD) em continuar com o alto contingente na prefeitura, com salários acima de 4 mil reais, e é bom nem lembrar o saldo do genro, Luiz Humberto [45 mil reais por mês para administrar o BTN] diante do colapso financeiro vivido pelo município, que registra, segundo o prefeito, queda em torno de 40% na receita.

Luiz entrou forçosamente no assunto, durante palestra na 6ª Conferência Municipal da Saúde, ontem no auditório da Fasete. Segundo explicações do gestor, a decréscimo se deve à menor produção de energia.

“Os recursos cada vez mais caem, hoje a nossa receita caiu me todo de trinta, quarenta por cento, isso é em função da queda de energia que o nosso município produz. Hoje estamos produzindo menos da metade do que produzíamos em 2013; além do mais, o preço do quilowatt/hora [kWh] caiu assustadoramente, passou de R$ 1,30 para R$ 0,92” disse o prefeito, acrescentando que “agora está melhorando um pouquinho. ”

No entanto, cumpre observar: por que será que só o trabalhador assalariado vai arcar com o ônus da queda de receita [pelo menos é o que se anuncia] tendo as horas extras extintas, ao passo que, o governo, não corta despesas dispensando um sem número de “assessores especiais” que só fazem onerar mais ainda a folha?

Gente que está na prefeitura cumprindo tabela, por favores políticos, e por isso mesmo dispensáveis. Outra coisa: fica chato falar em aperto, pagando a um único funcionário, o valor citado acima. É uma afronta ao bom-senso, que anda muito distante da prefeitura de Paulo Afonso.

Um comentário

  • Enquanto não mudar esse secretário de saúde vai continuar como está, tudo errado e o pobre que sofra, fazem três anos que esses pacientes sofredores pedem melhoras e um pouco de dignidade e ele nada faz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.