contato@ivonelima.com.br

Paulo Afonso-BA, 19 de maio de 2022

Conselheira eleita, Lucicleide, exonerada hoje, desabafa: “Prefeito LD é perseguidor e me puniu pelo resultado”

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
pp

PAULO AFONSO – Adriana, Sidney, Lucicleide, Jorleide, Márcio e Bruno dormiram funcionários da prefeitura e, ao amanhecer estavam exonerados.

As demissões cujos decretos saem ainda esta 3ª feira 08, assegura a conselheira eleita, Licicleide do Bolsa Família, “foi uma retaliação porque o prefeito Luiz de Deus (PSD) não gostou do resultado.”

Outra conselheira eleita, a Simone Maria da Silva, demitida recentemente, relatou achaques durante o processo eleitoral, e disse que chorou muito no domingo: “No dia da eleição tinha muitos funcionários da prefeitura pedindo para não votar em mim porque eu era ligada ao ex-prefeito Anilton Bastos (Podemos), eu fui perseguida mesmo, e chorei muito de tristeza, quem foi votar em mim, votou com medo”, disse Simone ao Painel, há pouco.

Ambas as conselheiras eleitas, eram funcionárias da Secretaria de Desenvolvimento Social. Lucicleide também relatou que as demissões têm como pano de fundo o mau resultado de candidatos apoiados por gente graúda da prefeitura.

“Estava na gestão trabalhei para eleger este prefeito [Luiz de Deus] dia e noite abdiquei até da família para elegê-ló e hoje fui demitida. Trabalho no setor público há mais de 16 anos, sou muito querida, fui conselheira tutelar coordenadora do bolsa e hoje eleita com mais de 1183 votos . Falta pouco mais de 2 meses para posse aí surge está exoneração . Pesse uma pessoa eleita com este tanto de voto e ser exonerada no momento por questão política não pensou no povo e sim politicagem”, declarou a conselheira eleita Lucicleide.

O Painel entrou em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura, para saber se o prefeito Luiz de Deus vai responder às acusações de perseguição, mas até agora não tivemos respostas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.