contato@ivonelima.com.br

Paulo Afonso-BA, 21 de maio de 2022

Remédio de Luiz de Deus para crise desce amargo “Vai comprometer gestões futuras”, diz ex-prefeito

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
page

PAULO AFONSO – A semana termina com muitas incertezas acerca das intensões do prefeito Luiz de Deus (PSD) em endividar a prefeitura com empréstimo de 60 milhões de reais que pretende fazer, com aprovação da Câmara Municipal, à Caixa Econômica Federal, segundo assessoria de comunicação, “Com a verba, a gestão poderá tocar diversos projetos ao mesmo tempo, aquecendo a venda no comércio e o mais importante: gerando emprego e renda para a população.”

A nota não vai aos escaninhos necessários, por exemplo: de quanto será o juro?, quais áreas do orçamento serão comprometidas para honrar a dívida?

Espera-se que a Câmara faça o dever de casa e escrutine a pauta, mas a julgar pelo comportamento fanfarreiro de parlamentares na reunião com Luiz de Deus, na última terça-feira 06, é sonhar demais. Com a exceção de um ou dois, o projeto passará sem qualquer percalço, até porque a conta fica para o contribuinte.

Contudo, havemos de transparecer a preocupação que perpassa nos pré-candidatos à sucessão de Luiz e também deve-se lembrar que, os ex-prefeitos Raimundo Caires [sem partido]  e Anilton Bastos do Podemos, enfrentaram queda na receita e nenhum se eventurou por essa via apresentada pelo atual gestor. Dito de outra forma: nenhum ex-prefeito de Paulo Afonso quis comprometer gestões futuras com decisões de empréstimos a perder de vista, cujos resultados são absolutamente imprecisos.

Na condição de anonimato, um ex-prefeito comentou ao Painel: “Vai endividar em muito a prefeitura de Paulo Afonso e prejudicar as gestões futuras.”

Ainda de acordo com funcionários da prefeitura, negado veementemente em nota pela assessoria de comunicação, a gestão tem dívidas, cerca de 20 milhões de reais para serem quitados até o fim, e que a recuperação da receita, ocorrida há cerca de um mês não resolveu o problema.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.