contato@ivonelima.com.br

Paulo Afonso-BA, 21 de maio de 2022

Prof. Sidney: “Despolitizar um movimento político é idiotice”

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
01a8a8b9-d3fb-4005-b572-48c3e0059415

O movimento Lula Livre está presente no protesto dos estudantes e professores contra o governo Bolsonaro que anunciou cortes de recursos na educação, principalmente nas universidades federais.

Adauto Alves.

Estudantes da Uneb, Univasf e do IFBA  [professores, representantes de sindicatos, dos sem-terra etc] prepararam faixas, cartazes e sairão em caminhada pelas ruas daqui a pouco.

Chama atenção o cartaz do movimento Lula Livre, mas segundo explicou o professor Sidney, seria “idiotice” separar o protesto de questões políticas.

“O movimento não é desassociado de questões políticas. Bolsonaro tinha 27 anos na Câmara Federal e vem com esse discurso despolitizado – como se ele fosse a novidade -enganando um bocado de gente; e aqui é um movimento legítimo porque foi cortado 30% das universidades e institutos federais”, disse Sidney ao Painel.

O professor argumentou ainda que, não se poderia fazer um movimento desassociando-o de quem foi o protagonista da educação nos últimos quatorze anos. “Foi Lula que está preso por uma elite que não tem compromisso com o povo, então nós não podemos chegar num movimento como esse e querer que seja sem a participação dos partidos que são oposição a este governo. ”

Adauto Alves, do Sindicato dos Comerciários, concorda e acrescenta que o movimento também é contra a reforma da Previdência. “É uma privatização com o fim da Seguridade Social, então esse movimento é suprapartidário; e o Lula livre está dentro da manifestação espontânea e é do livre-arbítrio das pessoas defenderem. ”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.