contato@ivonelima.com.br

Paulo Afonso-BA, 20 de maio de 2022

No ponto: Mário Galinho questiona os gastos até agora não esclarecidos do carnaval

Postado por:

Share on facebook
Share on whatsapp
DSCF0062

O vereador Mário Galinho (SD) usou a tribuna da Câmara Municipal nesta 2ª feira 11, e foi preciso em suas colocações, principalmente sobre os gastos nebulosos envolvendo o carnaval, promovido pela secretaria de Cultura e Esportes.

De saída, o vereador não se colocou contrário à festa, afirmou que o BTN tem todo direito de fazer sua folia assim como o circuito “da elite”, porém questionou a falta de transparência com os critérios para que se doe um valor a determinado bloco e outro fique de fora.

O secretário Jânio Soares, teve segundo o parlamentar, dez convocações feitas só por ele, e poderia tranquilamente explicar tantos porquês soltos no ar. Afinal, Jânio não faz parte da iniciativa privada. Se ele gasta dez reais numa festa é dinheiro público e precisa dar a devida publicidade e transparência.

“Eu não o convoquei para destratá-lo não. Mas para que ele dê explicações sobre gastos do São João, do São Pedro, da Copa Vela e do carnaval, o povo já está decepcionado e a imprensa debocha de mim, eu espero Macário, que providências sejam tomadas que nós não somos palhaços não.  Os 84 mil reais que foram gastos: pagou a quem?, qual o critério?, quando foi a cada um?, 136 mil reais em ornamentação; e os toldos que estavam lá pela empresa que foi notificada pelo grupo de licitação e não pode mais atuar no município, está tudo errado.”

Aqui é preciso lembrar, e depois voltarei ao assunto, com mais minudências, o que foi feito de uma tal comissão que analisaria com lupa todos os contratos da prefeitura? Agora, se estivesse sido criada, teria bastante trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.